AJUPM | CENTRO DE APOIO AOS POLICIAS MILITARES

COPA DO BRASIL

Vasco perde para o Coritiba, mas conquista o título da competição

Junho 09
00:00 2011

Depois de oito anos de sofrimentos e uma queda para a Série
B do Brasileiro, o Vasco corou sua volta por cima com o título inédito
da Copa do Brasil. Numa final eletrizante, o time carioca perdeu para o
Coritiba por 3 a 2, na noite de quarta-feira, 8, no Estádio Couto
Pereira, em Curitiba, mas foi o suficiente para ser o campeão, já
garantindo sua vaga na Libertadores de 2011.

 

O Vasco não conquistava um título de expressão desde 2003,
quando foi campeão carioca. Nesse período de jejum, chegou a cair para a
Série B, mas acabou voltando para a divisão de elite do Campeonato Brasileiro.
E a recuperação vascaína foi confirmada na quarta, com a vitória na
Copa do Brasil - levou o troféu por ter feito mais gols fora de casa, já
que tinha vencido por 1 a 0 no primeiro jogo da decisão, semana passada, em São Januário.

 

Minutos iniciais frenéticos deram o tom de como seria o confronto no
Estádio Couto Pereira. Como se previa, o Coritiba era mais ofensivo, mas
o perigo do contra-ataque vascaíno se anunciava. E ele se concretizou
aos 12 minutos, numa falha coletiva da defesa do time paranaense. Cinco
jogadores tentaram marcar Diego Souza, mas ele passou para Eder Luís,
que, livre, invadiu a área e rolou para Alecsandro abrir o placar para o
Vasco.

 

O Coritiba sofria com um erro do técnico Marcelo Oliveira: o volante
Marcos Paulo, escolhido para substituir o suspenso atacante Anderson
Aquino, tinha péssima atuação. Mas ele consertou o equívoco aos 27
minutos, com a entrada do atacante Leonardo. E, não por coincidência, o
empate veio dois minutos depois. Jonas escorou o cruzamento e Bill
apareceu para mandar a bola nas redes.

 

O Vasco tentou administrar a vantagem no confronto e deixou os donos
da casa ditarem o ritmo da pressão. Assim, a virada chegou aos 44
minutos. Rafinha chutou, o goleiro Fernando Prass espalmou e Davi
aproveitou o rebote para fazer 2 a 1 para o Coritiba.

 

O panorama melhorou ainda mais para o Vasco no início da
segunda etapa. Novamente na marca dos 12 minutos, Eder Luís arriscou um
chute de fora e o goleiro Edson Bastos engoliu o frango. Fatura
liquidada? Não para o valente Coritiba. William recolocou o time
paranaense a um gol do título com um chute de fora da área, no ângulo
esquerdo de Fernando Prass, aos 25.


Depois disso, não faltou emoção no Couto Pereira. Desesperado, o
Coritiba atacou como pôde para conseguir mais um gol, que lhe daria o
título. O Vasco, do outro lado, se defendeu de todas as maneiras e
acabou perdendo pelo placar que lhe interessava. Assim, o troféu da Copa
do Brasil de 2011 foi para São Januário, acabando com o jejum de
glórias vascaínas.

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados **

Artigos populares

Salvador:

0 comentarios

Paraíba:

0 comentarios

Recife:

0 comentarios

Entre Rios:

0 comentarios

Patos:

1 comentarios

Paraíba:

0 comentarios

Bahia:

0 comentarios

João Pessoa:

0 comentarios

Categorias